Trabalho Final – Grupo 6 – Noturno: Uniforme Escolar

Você pode baixar o roteiro de trabalho completo clicando na imagem ou nesse link.

1. O professor deve instruir os alunos para que tragam de casa:

Alunos do Ensino Fundamental: fotos de familiares (pais, avós, tios) em período escolar.
Alunos do Ensino Médio: fotos (de jornais, revistas ou internet) de pessoas usando uniformes (no trabalho, no exército, na escola etc.).
O professor também pode dispor de imagens prévias.

2. Começar a aula passando o vídeo – o vídeo será composto de relatos de estudantes de diferentes escolas, de coordenadores e diretores e também de pessoas mais velhas sobre a experiência que tiveram na escola no que se refere ao uso ou não uso do uniforme escolar – que servirá como detonador da discussão.
3. Como se trata de um roteiro para uma aula de História (mas que pode, e deve, ser adaptado para outra matéria de Humanas), antes de entrar na questão do uso ou não uso de uniformes por aqueles estudantes presentes, pode-se levantar algumas questões apoiadas em exemplos históricos, de acordo com o conteúdo que os alunos já tiveram:

a) O uniforme cria uma identificação coletiva, uma identidade?
Exemplo: exércitos inimigos em uma batalha onde cada uniforme representa uma nação; times de futebol ao longo da história etc.

b) O uniforme minimiza a individualidade?
Exemplo: Nazismo, anulação do indivíduo, uniformização estética de uma sociedade em prol de um Estado forte; Exemplo de contraponto: em algum time de algum esporte todos estão uniformizados, o que não impede que a capacidade individual de alguns se sobressaia.

c) De quais formas o uniforme distingue?
Exemplo: tribos, culturas, classes sociais, religião, profissão etc.
d) Se o uniforme exerce de fato todas essas funções, como elas podem estar presentes em um ambiente em que não se observa o uso do uniforme? Vale dizer, existe uniformazição sem uniforme?
Exemplo: aqui pode-se pedir para os alunos pensarem nas suas próprias vestimentas fora do ambiente escolar, ou, no caso de uma instituição que não adote o uso obrigatório do uniforme, dentro da própria escola. Em uma aula de história, pode-se pensar em que momentos o uniforme não correspondia a todo o conjunto da vestimenta, mas porvezes a uma simples insígnia (como, por exemplo, as fitas tricolores dos revolucionários franceses), nem por isso menos carregada de significado. Com alunos (e principalmente alunas) mais velhos, uma discussão a respeito da moda, da uniformização e da expressão pode ser também bastante interessante.

4. Depois desse acúmulo gerado pelo vídeo e pelas questões levantadas pelo professor a partir de exemplos históricos, sugere-se haver uma discussão coletiva sobre os prós e os contras do uso de uniforme na escola, bem como uma aproximação da realidade por eles vivida em ambiente escolar. A partir de então pode haver uma dinâmica em grupos menores com as imagens por eles trazidas. Fica a critério do professor organizar a sala em grupos grandes ou pequenos, ou mesmo em roda.
Por fim, cabe ressaltar que todas essas discussões não precisam se ater a um ambiente específico, como uma aula de História ou de Orientação Educacional, por exemplo. Orientados pela instituição, professores de matérias como Filosofia, Sociologia, Geografia e, é claro, História, podem abordar o tema em meio ao conteúdo regular das disciplinas.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s