Trabalho Final – Grupo 1 – Noturno: A relação das bandas de jovens nos anos 80 antes e depois da abertura democrática e sua relação com a política

Amanheci determinado a mudar
Agora vou ser punk até apodrecer
Apodrecer pra incomodar
Com meu mau cheiro empesteando seu jantar
Eu sou punk, nojento, e mais,
Eu quero é matar minha vovozinha
Botar veneno na cerveja do meu pai
Não acredito mais em nada
Vou cuspir na cara da empregada
Eu sou punk
Nojento, vulgar, demais.
(Raul Seixas, 1983)

View the autosave

Apoio Pedagógico

O material selecionado (vídeo com imagens e informações das bandas e artistas; história em quadrinhos e biografias) pode ser fartamente utilizado como ponto de partida para discussões sobre os jovens brasileiros nos anos 80. Na época do fim da ditadura militar, início da redemocratização, luta pela volta de direitos civis, havia um “contentamento descontente” entre os jovens que podiam, aos poucos fazerem muitas coisas, mas ainda eram tolhidos pelas forças policiais que os perseguiam e os censuravam.
No final dos anos 70 e começo dos 80, após a crise econômica mundial, as diferenças entre ricos e pobres no Brasil ficou mais evidente. Os mais ricos tinham acesso ao que era produzido culturalmente no exterior, seja importando, seja vendo e ouvindo ao vivo nos EUA ou Europa. Desta forma a cultura punk chegou aos jovens de classe média de Brasília filhos de diplomatas e professores universitários. E também aos integrantes de bandas como Titãs e Ira! em São Paulo que estudaram em colégios particulares que lhes deram a opurtunidade de se dedicarem à música.

Mas a cultura punk é democrática e no Centro de São Paulo e no chamado ABC (sigla que reúne as cidades de Santo André, São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul, na Grande São Paulo), jovens com menor poder aquisitivo também tiveram contato com a música e atitudes de bandas como The Clash, Sex Pistols e Ramones e entraram no meio musical com suas músicas de protesto.
Em discussões em sala de aula o material deverá ser utilizado pelo professor como início de uma série de aulas sobre os anos 80 na visão destes jovens. Pela variedade do material, deve-se identificar cada um deles selecionando o que será utilizado.
Será necessário um conhecimento prévio do professor acerca do conteúdo.

Você pode baixar o roteiro completo para as atividades aqui:

Além da leitura dos artigos biográficos sobres as bandas de Brasília e de São Paulo selecionadas e sobre o movimento punk em São Paulo e no ABC, será necessário assistir ao vídeo que compõe o kit. Ele está disponibilizado abaixo.

A seguinte história em quadrinhos também deve ser disponibilizada para os alunos. Clique na imagem ou nesse link para fazer o download.

Letras das músicas e outros vídeos dos artistas selecionados, podem ser facilmente encontrados na internet e também podem ser utilizados em sala de aula, a ideia deste kit é dar um subsidio inicial aos professores que desejem trabalhar este tema com seus alunos.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s